Notícias

Imprimir
  • 25/10/2021 Geral

    Servidores estão há 10 dias em Estado de Greve

    Servidores estão há 10 dias em Estado de Greve
    Arte: CTRL S
    Greve do Basta foi suspensa com promessas de diálogo que ainda não se concretizaram

    Esta segunda-feira, 25 de outubro, marca os 10 dias do Estado de Greve e assembleia permanente dos servidores públicos municipais de Curitiba que teve início com a Greve do Basta, no último dia 15 de outubro. Na ocasião, as servidoras e servidores se reuniram na frente da Prefeitura para manifestar que não aceitam mais o descaso e a intransigência do desprefeito Rafael Greca que tem desvalorizado o conjunto da categoria com ataques que reduzem salários, alteração as regras da previdência e também a falta permanente de ações para melhorar as condições de trabalho.

    Devido à mobilização dos trabalhadores, a Prefeitura abriu uma mesa de negociação no final da tarde do dia 15, quando se comprometeu em recompor os quatro meses do reajuste de 3,14% que foi suspenso no último mês de setembro. A gestão disse que vai retomar o percentual, juntamente com os reflexos financeiros, como proporcional em férias e décimo terceiro, no salário dos servidores da ativa e aposentados a partir de janeiro de 2022.

    A Greve do Basta também arrancou a promessa de que seria enviado um ofício para composição da comissão de negociação para iniciar as discussões da data-base 2021 ainda este ano.

    Também foi prometido chamar os sindicatos para que os planos de carreira sejam apresentados pela gestão. Ainda, na ocasião foi informado que os planos estão sendo elaborados e que devem ser enviados para a CMC em novembro. Os planos de carreiras dos servidores estão congeladas até 31 de dezembro de 2021.

    Referendo popular para inviabilizar mudanças na lei orgânica

    Nesta terça-feira (26) os sindicatos farão uma live para lançar um referendo popular, mecanismo de democracia direta que permite que a população revogue medidas governamentais. Durante a live será lançada a campanha de coleta de assinaturas para incluir a retirada da Reforma da Previdência da Lei Orgânica do município no referendo que acontece em outubro de 2022.

    É necessário realizar um abaixo-assinado que atinja, pelo menos, 65 mil assinaturas. O município de Curitiba nunca teve um Referendo Popular para reverter um ataque aos direitos. Por isso, participe dessa campanha para barrar os desmandos da gestão Greca e ajude a fazer história!
    É necessário permanecer vigilantes e mobilizados! Vale lembrar que o prefeito tem ampla base de apoio na CMC. Os vereadores da sua base já garantiram aprovação, em primeiro turno, do projeto que altera as regras para aposentadoria, que aumenta a idade aposentar e confisca parte do salário dos aposentados. Na terça-feira (26) acontece a segunda votação. Vamos todos manifestar nossa indignação no ato na frente da CMC a partir das 8h30 (saiba mais). Ainda tem a ameaça do projeto que institui a avaliação de desempenho dos servidores.


    Durante este período de emergência para combate da pandemia de Covid-19 os servidores municipais não pararam de trabalhar. Muitos atuaram na linha de frente e arriscaram suas vidas para garantir o atendimento à população, outros tiveram que reinventar sua rotina de trabalho devido as dificuldades impostas. E a resposta da gestão Greca para esses trabalhadores - que a própria Prefeitura gosta de chamar de heróis - é a desvalorização, a perda salarial, planos de carreira congelados, ataque à previdência, descapitalização do IPMC e a tentativa de impor uma avaliação por desempenho aos servidores.

    Os servidores continuam trabalhando, mas com o estado de greve podem parar a qualquer momento! Os sindicatos que representam o conjunto dos servidores municipais de Curitiba já enviaram ofício cobrando a formalização das promessas feitas na reunião.

    É com a união e mobilização dos trabalhadores que vamos resistir a estes ataques. Seguimos firmes!

Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS