Notícias

Imprimir
  • 28/09/2021 Educação

    Retorno 100% começa com falta de auxiliares de serviços escolares

    Retorno 100% começa com falta de auxiliares de serviços escolares
    Arte: CtrlS
    A falta de servidores continua e nem contratação pelo PSS está sendo feita como deveria
    A falta de servidores para completar o quadro de funcionários na Prefeitura de Curitiba não é novidade e o problema vem se agravando. Agora, com o retorno 100% presencial das crianças e alunos da rede municipal de ensino, a Prefeitura está desmontando equipes de auxiliares de serviços escolares para cobrir a falta de profissionais.

    De uma hora pra outra, a Secretaria Municipal de Educação (SME) impôs um “remanejamento” sem uma normativa, tirando auxiliares de unidades que estão com equipe completa, ou quase completa, para que atendam em unidade que têm menos auxiliares. Quer dizer, a gestão Greca está desfalcando uma unidade para amenizar a situação em outra, ao invés de resolver o problema de fato! Como está sendo feito, nenhuma unidade vai ter equipe completa.

    Falta de profissionais dificulta cumprimento dos protocolos e deve ser denunciada!

    Faça o registro em ata e informe os sindicatos sobre a falta de profissionais e outros problemas que dificultam o cumprimento dos protocolos pelo WhatsApp (41) 99988-2680 ou pelo link http://bit.ly/DenúnciaEducação

    Utilize os canais oficiais da Prefeitura, como o 156, e comunique também à Frente Parlamentar do Retorno Seguro às Aulas, composta por vereadores da Câmara Municipal de Curitiba, pelo e-mail retornosegurocmc@gmail.com e pelo WhatsApp (41) 3350-4622.

    Os sindicatos cobraram a Superintendência da SME por meio de ofício e em conversa telefônica nesta terça-feira (28) tiveram a promessa de uma resposta para a situação que estaria sendo verificada pelo setor de Recursos Humanos. Os sindicatos, SISMUC e SISMMAC, seguirão cobrando que o grave problema da falta de profissionais seja corrigido da maneira correta: com a realização de concurso público.

    No último mês de junho, a SME publicou edital para contratação de 175 auxiliares de serviços escolares por meio do Processo Seletivo Simplificado (PSS). Porém, até o momento teriam sido contratados apenas 46! Por quenão contratou os 175 previstos? Por quenão é realizado concurso público para completar o quadro de funcionários?

    Antes da pandemia a categoria já enfrentava o descaso e a desvalorização. Em abril de 2020, o SISMUC e o SISMMAC denunciaram que 43% das escolas municipais funcionavam com falta de auxiliares de serviços escolares. Ou seja, há muito tempo faltam inspetores nas escolas da rede.

    O apoio dos auxiliares de serviços escolares é fundamental para o desenvolvimento educacional de crianças e adolescentes. A realidade da categoria é de sobrecarga de trabalho e de desgaste, afinal um profissional é responsável por 150 alunos durante os horários de entrada e saída das aulas e no horário de recreio. Nossa luta é para que o dimensionamento seja de 90 alunos por auxiliar!

    É urgente a realização de concurso público para completar o quadro de funcionários. Esta é uma pauta dos sindicatos para garantir a qualidade do serviço e condições de trabalho para os servidores. Concurso já!

    Imprensa SISMUC SISMMAC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS