Opinião

  • Nota do Sismuc sobre jornal distribuído pela prefeitura

    Nota do Sismuc sobre jornal distribuído pela prefeitura
    A diretoria esclarece os servidores a respeito das informações divulgadas em informativo.

     A diretoria do Sismuc esclarece os servidores a respeito das informações divulgadas no informativo "Jornal do Servidor", na edição sobre o Instituto Curitiba de Saúde. O impresso cita que o sindicato não compareceu à reunião do conselho administrativo no qual foi aprovado o novo regulamento, no dia 25 de agosto. Na ocasião, o Sismuc esclareceu que não estava de acordo com a forma como a diretoria do ICS estava encaminhando a mudança. Entre os principais problemas estava o fato de que o documento não havia sido debatido com nem com o sindicato e nem com os servidores. Também não houve tem suficiente para que pudesse ser feita uma análise técnica do documento. Além disso, o sindicato solicitou mais tempo para que o documento pudesse ser analisado e debatido com os servidores, o que foi negado pelo conselho do instituto. Por estes motivos, o sindicato não quis legitimar um processo que já estava errado desde o começo.


    Outra questão refere-se ao pouco espaço dados aos representantes dos servidores nos conselhos de administração e fiscal do ICS. Das sete vagas no conselho de administração, apenas uma é dividida entre o Sismuc e o Sismmac. No conselho fiscal, também é apenas uma vaga das cinco disponíveis. O Sismuc discorda deste modelo, porque a maioria dos votos nos conselhos são do grupo indicado pelo prefeito, o que impede que a vontade dos servidores prevaleça nestas reuniões. Por este motivo, o sindicato mantém a posição em defesa da democratização da gestão do ICS e dos seus conselhos, com os servidores tendo maioria nestas instâncias e com direito á eleição dos diretores do instituto.

    Por fim, a prefeitura afirma que manterá a alíquota da contribuição em 3,14% do salário. Porém, na mesma matéria cita: "Qualquer alteração só será feita conforme o cálculo atuarial, que determina o custo do plano de saúde, por beneficiário". Isso significa que não está descartada a possibilidade dos valores subirem. Esse é um alerta que o sindicato vem fazendo aos servidores, pois a mudança de regulamento proposto pelo prefeito Luciano Ducci transforma o ICS em plano de saúde, nos moldes da ANS. O resultado é que seguindo as leis de mercado, a tendência é os valores aumentarem até chegar ao patamar do que se paga nos planos privados atualmente. E, pior, sem a garantia da melhoria da qualidade no serviço prestado.

    O Sismuc mantém posição contra o novo regulamento do ICS, em defesa da transformação do instituto em autarquia, prevendo a democratização e transparência na gestão. Por um ICS de qualidade!
    Ghilherme Carvalho
Ver índice de opinião

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS